100 tirinhas e quase dois anos depois, “A vida amorosa de Pyvo” chega ao fim. Acabou. Deixa de existir. Is no more. Finito.
Estou encerrando a série, sem expectativa de novas tirinhas. Assim como dizem os artistas que fracassam, também eu estarei dedicado a diferentes e novos projetos.

Não que eu tenha fracassado. Nunca tive maiores pretensões com o Pyvo. Meu único objetivo era construir um arco de história a partir de 100 tirinhas curtas independentes e o fiz. Aprendi e me diverti imensamente – e espero que tenha divertido a outros durante este caminho.

A todos que acompanharam, seguiram, curtiram e compartilharam este humilde cartoon, meus sinceros agradecimentos. É maravilhoso imaginar que há pessoas que realmente gostaram dos desenhos, das piadinhas, das comédias da vida privada que eu tentei prover aqui semanalmente.
Obrigado mesmo.

Todas as tirinhas ainda estarão disponíveis aqui, nesta página. É só navegar e se divertir (ou não).
A quem interessar possa, continuo escrevendo no meu blog particular: http://blog.paulovelho.com.br/
Quando eu estrear novos projetos, também passo aqui para anunciar.

E quem sabe o Pyvo não retorna em ocasiões aleatórias com alguma tirinha solta também?

Muito obrigado mesmo!

 

 

 

Abraços,

Paulo Henrique Martins